Voto de Aplausos para nossa escola

 

“Por causa do excelente trabalho desenvolvido por todos vocês – professores, alunos, funcionários e gestão – possibilitou colocar a escola Elvira Viana em terceiro lugar no fundamental do Agreste  Meridional. Dessa forma, a s sembleia Legislativa nos honra com o Voto de Aplausos.
Atingimos também 💯% da meta do Idepe.
Deixo aqui meus parabéns a essa equipe sem igual e meu agradecimento pela parceria estabelecida ao longo desses 5 anos.” Elania Lopes Monteiro, gestora dessa unidade de ensino.

Anúncios

Projeto Boa Visão

O Projeto Boa Visão do Governo de Pernambuco oferta consultas oftalmológicas e garante, quando necessário, óculos gratuitos a alunos, professores e servidores da rede estadual de ensino. Em nossa instituição de ensino, esta semana estamos realizando a triagem dos estudantes e profissionais que serão atendidos por oftalmologistas na UPA especialidades Garanhuns.

Sabemos que a falta acuidade visual é causa de diversos transtornos que afetam o processo de ensino e aprendizagem, de forma que o Projeto é um avanço significativo na solução dessa demanda de saúde pública, por uma educação de qualidade  que é exigida pela nossa sociedade.  Do ponto de vista legal, o Boa Visão foi criado pela LEI Nº 14.511, DE 7 DE DEZEMBRO DE 2011.

Processo de formação de professores

Continuamos o processo de formação continuada na Escola Profª. Elvira Viana com o enfoque nas atualizações da BNCC, Itinerários Formativos e nos demais documentos curriculares oficiais. Nesse encontro, (29/08) com recurso do uso produtivo da conquista docente das aulas atividades, tivemos, exposição pela professora Ana Paula do componente curricular de Projeto de Vida e Empreendedorismo, atividade de produção textual de carta, com a temática na gratidão à família que estamos inseridos. Esse exercício prático, nos convida a refletir acerca da aplicabilidade do Novo Ensino Médio e do perfil necessário para intervenções em sala de aula.

Por meio da oficina sobre os itinerários formativos ministrada pela Professora Sonia Lima (Técnica de Ensino da Gerência Regional, Agreste Meridional), foi aprofundado os conteúdos de práticas que podem ser utilizados com enfoque no Novo Ensino Médio e nas Habilidades Gerais da BNCC. Ainda houve apresentação de dinâmicas diversas pelas quais a  professora ratifica que é imperioso que “se construa essa nova postura do professor a partir das novas matrizes curriculares”.

Semana Nacional da Pessoa com Deficiência

IMG_20190828_112016073_HDR

Estamos vivenciando na nossa instituição a  Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla que está costumeiramente ocorrendo anualmente durante o período de 21 a 28 de agosto. O objetivo da Semana Nacional é abrir debates e incluir toda a sociedade na reflexão acerca do dever da igualdade para inclusão de todos. Desde o ano de 2017 foi sancionada a Lei 13.585 de 26 de dezembro de 2017, que institui essa Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla durante essa semana.

Na nossa escola, estamos vivenciando diversas ações na área da inclusão de todos durante o período: visita a APAE Garanhuns; Oficina de Libras para a turma do EJA médio (noturno) com a intérprete de Libras, professora Alessandra Moraes; produção e exibição de vídeo realizado pelos estudantes da turma do 3° ano A sobre o convívio com o nosso aluno Marcos Azevedo (cadeirante); Marcos ainda deu um depoimento emocionante acerca da sua condição física e (falsa) inclusão social dando prosseguimento à palestra da professora Suzana Alves na qual fez uma avaliação (conquistas e barreiras) do processo de inclusão dos deficientes no país.

Nesse ano de 2019, a temática escolhida para a reflexão durante a semana é sobre a “Família e Pessoa com Deficiência: Protagonistas na Implementação das Políticas Públicas”. Como indicou nosso estudante Marcos foi a família, especificamente a mãe, quem de fato o tornou protagonista do processo exitoso de ensino, aprendizagem e inserção, ainda que com precisando diariamente ultrapassar barreiras diversas ligadas ao preconceito, a insensibilidade e a ignorância, todos  combatidos pelas intervenções da escola e da sociedade articulada.

IMG_20190828_113445135_HDR

 

Volta às aulas e Formação pedagógica

Estamos de volta ao segundo semestre letivo de 2019. Esse trecho final está sendo organizado e planejado por toda a equipe profissional de nossa instituição. A retomada dos trabalhos em sala de aula acontece com o final do recesso escolar (em 30/07). Os profissionais da Educação participaram também da formação pedagógica (29/07) com a temática perpassando os eixos estruturantes que possibilitam os referenciais curriculares básicos para a elaboração dos itinerários formativos para o Novo Ensino Médio. Como sabe-se, a nossa escola, é projeto piloto na Regional Agreste Meridional da Secretariar de Educação, para a implementação desse novo paradigma para o Ensino Básico.

Sejam todos bem-vindos e bom trabalho pedagógico!

Feira de Conhecimentos

IMG_20190610_103311639

A Escola profª Elvira Viana vivenciou hoje (10/06) uma feira de conhecimentos que envolveram as disciplinas das áreas de Ciências da Natureza e suas Tecnologias. Sob a orientação da professora Eleni Souto Alves, os estudantes desenvolveram temas de interesse do processo de ensino e aprendizagem. Participaram da produção das atividades os jovens das turmas dos terceiros anos (A e B) da nossa instituição. Os excelentes trabalhos trataram de temáticas tais como: doenças sexualmente transmissíveis; cargas elétricas, gêmeos vitelinos, hidráulica, energia eólica, misturas homogêneas e heterogêneas.

As atividades como as que foram desenvolvidas e apresentadas requerem habilidades  que ressaltam o alto nível de participação, protagonismo juvenil, de trabalho em grupo e é uma maneira de estimular nossos estudantes a buscar novos conhecimentos além de entender quais são suas áreas de interesse, uma vez que acabam pesquisando de várias fontes. Segundo a professora Eleni o “trabalho pedagógico foi muito proveitoso e foram desenvolvidos a partir de temas sugeridos pelos próprios alunos, sendo que o desempenho ultrapassou as nossas expectativas.”

Álbum:

IMG_20190610_101701127

Coletivo de Lírios (antimanicomial)

IMG-20190517-WA0024

Participamos das ações promovidas pelo Coletivo de Lírios em luta contra a manutenção e reorganização de manicômios no pais. Discutir o assunto, assim como os preconceitos, traumas e manipulações que envolvem as questões de saúde mental é função da escola. Principalmente no momento em que se nota uma real necessidade de abordar os assuntos que estão no cotidiano de muitos jovens de nossa instituição de ensino e de toda a sociedade. A escola agradece a inclusão em tão importante debate. Segue texto explicativo do coletivo:

“A ação de sociodrama, promovida pelo Coletivo de Lírios (antimanicomial) da cidade de Garanhuns (PE), é parte da II semana de Luta Antimanicomial ‘Não quero choque nem grade, quero cuidado e liberdade’, em parceria com a coordenação do Programa de Residência Multiprofissional em Saúde Mental.

IMG-20190517-WA0018

A proposta é discutir saúde mental com os estudantes, atravessando o debate sobre o que é loucura e quais os impactos do paradigma manicomial para  sociedade. É relevante compreender o debate da saúde mental como concernente a todos e todas nós, aproximando-nos da questão e compreendo-a menos como doenças e mais como modos de sofrer e/ou se afetar pela vida.”

NIMG-20190517-WA0012

No turno vespertino, aberto à comunidade, pudemos assistir e refletir acerca do filme “as vantagens de ser invisível” e fala da vida de Charlie, um garoto de 15 anos que entra em um colégio enquanto se recupera de uma depressão, por perder seu único amigo que se suicidou com um tiro na cabeça. No colégio, começa sua jornada de socialização, de crescimento e recuperação com a inadvertida ajuda de dois veteranos, Patrick (Ezra Miller) e Sam (Emma Watson), que o recebem em seu mundinho à parte dos populares da escola.

Formação bimestral de professores

IMG_20190510_094650108

A Escola Profª Elvira Viana realizou hoje (10/05) mais uma etapa do processo continuado de formação de professores na própria instituição. Durante o período matutino, discutiu-se a BNCC, sob a orientação da Diretora Adjunta Elizângela Medeiros, a partir das orientações repassadas para serem desenvolvidas em toda a Rede Pública Estadual de Ensino.

Houve ainda a socialização de atividade, realizada pele professora Eleni Alves, sobre a importância do uso sustentável da água, em consonância com as habilidades da BNCC. A pertinência do encontro deve-se principalmente a possibilidade de debater as habilidades previstas na Nova BNCC, bem como, as sugestões docentes por área do conhecimento que pudemos produzir e que serão utilizadas para a construção do documento oficial no âmbito estadual.

IMG_20190510_094647335

Dia da Mulher – EJA

A imagem pode conter: 2 pessoas, pessoas sentadas e mesaAtividades desenvolvidas pelo Professor Marcelo Francisco com a turma do 3º Módulo, EJA do Ensino Médio, desenvolveu  excelente trabalho pedagógico utilizando a língua inglesa, para produção de cartaz/propaganda com a temática da mulher. O trabalho interdisciplinar (Língua Portuguesa, Língua Inglesa e Artes) demonstram ainda a consonânia com a BNCC e segue o padrão exigido pelo Novo Ensino Médio.

Parabéns ao Professor Marcelo pela iniciativa do trabalho diferenciado e a turma que nos mostra o quanto pode ser produtiva e participativa a Educação de Jovens e adultos. A quem tiver interesse em observar/apreciar, as produções estão expostas no hall ao lado da cantina da escola.

 

Palestra: Violência contra a mulher

IMG_20190319_113400222

Hoje tivemos palestras (manhã e tarde, 19/02) com a temática “A violência doméstica familiar: Por que precisamos de uma lei específica?”. O pertinente assunto foi muito bem desenvolvido pela psicóloga e atual Secretária da Secretaria Municipal da Mulher Walkíria Alves. Estiveram também na escola a Assistente Social Ana Lúcia, Waldice Ferreira e a psicóloga Keyth Porto.

Durante a apresentação a palestrante lembrou que “nós (o Brasil) fomos condenados a criar uma lei específica relacionada à violência contra a mulher” pelos organismos de Direitos Humanos internacionais. Ainda assim “hoje, 13 mulheres são mortas todos os dias, casos de feminicídio. De forma que estas mulheres não terão sonhos, vida e expectativa de futuro” Ainda lembrou que não há faixa etária ou econômica específica para as ocorrências.

Na conversa com a audiência, a secretária convidou 13 pares de alunos e alunas para reconhecer que todos os casos de feminicídio tem nome, família, objetivos de vida, enfim, vidas são ceifadas pelos motivos mais torpes gerados por uma falsa percepção de superioridade masculina. Os homens, agressores, se tornam assassinos e também têm suas vidas destroçadas, perdendo as suas identidades. Para Walkíria Alves “há uma cultura construída subjetivamente desde a infância e que coloca os homens/meninos na condição de se impor pela força, pela violência e como exigência da família e da sociedade”.

Agradecemos a palestrante pela excelente oportunidade de debate tão profícuo e importante. A construção cidadã é uma solução que precisa ser buscada também na escola e em toda a sociedade. Álbum disponível no Facebook da escola:
https://www.facebook.com/plugins/post.php?href=https%3A%2F%2Fwww.facebook.com%2Felvira.viana.58%2Fposts%2F1603610986450515&width=500

IMG_20190319_110304475